Otimização de Sites - SEO

O que é arquitetura da informação?

Trabalhar com criação de sites nos coloca em um ambiente cheio de conceitos específicos da área de tecnologia embora, de certa forma, ainda sejam considerados conceitos multidisciplinares. A arquitetura da informação é um desses conceitos: específico da área de TI (Tecnologia da Informação) mas requer compreensão de várias áreas do conhecimento.

O que é arquitetura da informação?

Pra que serve essa tal arquitetura da informação?

Como saber se uma arquitetura da informação é boa?

O que diferencia uma boa arquitetura da informação para uma má?

Se você não sabe bem do que se trata a arquitetura da informação e ficou perdido com essas perguntas, hoje a conversa é contigo!

O que é Arquitetura da Informação

O que é arquitetura da informaçãoDe acordo com o Information Architecture Institute, a definição de arquitetura da informação é a seguinte:

A arquitetura da informação é a prática de decidir como organizar as partes de algo para ser compreensível.

Ela é um ponto importante na experiência do usuário e em outras áreas, como a estratégia de conteúdo, redação técnica, biblioteconomia, design de interação e várias outras.

Como dissemos, a arquitetura da informação é um conhecimento aplicado em diversas áreas e é especialmente importante na criação de sites.

A Arquitetura da Informação, cuja sigla internacional é “IA“, vai muito além desse mundão chamado Internet. Sua influência está nos sites e apps que utilizamos, nos materiais impressos que lemos diariamente e até mesmo nos locais em que convivemos.

Sim! A arquitetura da informação influencia até a forma como organizamos a sala ou a gaveta!

Ela nos ajuda a entender aquilo que nos rodeia e a encontrar aquilo que procuramos.

A IA no desenvolvimento de sites

Arquitetura da informação na criação de sitesNa hora de colocar sua empresa na Internet, é preciso pensar numa série de coisas. É preciso pensar no domínio a ser registrado, pensar no servidor para fazer a hospedagem do site, pensar até no nome de cada uma das páginas que serão criadas.

A IA é decisiva para uma boa experiência dos internautas que acessarão o site quando ele estiver finalmente disponível.

Além dos usuários, o Tio Google também adora um site cuja arquitetura é bem estruturada.

Por isso, quando chega o momento de desenvolver um site, a Arquitetura da Informação se apresenta como a prática de decidir como organizamos os itens de forma que o site fique de fato compreensível.

É o processo que determina o que serão esses itens, onde serão incluídos, como devem se conectar, etc. Diferentemente do Tio Google, nós só compreendemos bem as coisas por causa da relação entre elas.

Os componentes da Arquitetura da Informação

Para ter sucesso em arquitetura da informação, organizando corretamente os itens e disponibilizando as informações de forma que o usuário saiba intuitivamente onde precisa ir para encontrar o que deseja, é preciso ter uma compreensão diversificada de padrões para criação, armazenamento, acesso e apresentação de informações.

O livro “Information Architecture for the World Wide Web“ enumera os principais componentes da Arquitetura da Informação:

Organização Esquemática e Estruturas

A organização esquemática e as estruturas definem a forma como estruturamos e classificamos a informação. Criamos categorias nas quais colocamos as informações. Nomes de autor, títulos, tamanhos, tecidos e cores. Essa categorização é um componente essencial para a IA.

Sistemas de Rotulagem

A rotulagem é a forma como representamos a informação. Por exemplo, as publicações de um blog corporativo devem ser categorizadas sob “marketing digital” e “marketing” ou utilizar apenas um dos termos é melhor?

Sistemas de Navegação

O sistema de navegação determina como os usuários navegam pelo site. Ele fornece uma forma de sair de um segmento de informação e chegar a outro ponto do site quando essa informação é apresentada.

Sistemas de Pesquisa

O sistema de pesquisa determina como os usuários pesquisam informação num site. Em um sistema de pesquisa o usuário pode buscar usando várias palavras para restringir os resultados e aproximar-se dos tópicos que deseja ler.

Arquitetura da Informação e suas metodologias

A Arquitetura da Informação é uma área que tem raízes multidisciplinares, em vários campos e metodologias. Listamos aqui algumas definições sobre essas metodologias.

Biblioteconomia

A Biblioteconomia é a metodologia responsável por sistemas de organização de conhecimento. Com a biblioteconomia estudamos como categorizar, catalogar e localizar recursos. Este tipo de metodologia é utilizada não só em bibliotecas reais mas, em museus, laboratórios e hospitais.

Nesse mundão chamado Internet, o melhor exemplo de aplicação deste tipo de metodologia em arquitetura da informação é o nosso querido São Google. Ele nada mais é do que uma biblioteca gigante em que toda a informação fica digitalmente catalogada. Toda essa informação precisa ser extraída de forma lógica, relevante e organizada para os usuários e ninguém melhor que o próprio Google para fazer isso pra gente, não é mesmo?

Psicologia Cognitiva

A Psicologia Cognitiva estuda como a mente humana funciona. Com a ajuda dela, entendemos como os processos mentais acontecem durante a consulta e processamento da informação e conseguimos organizar a arquitetura de um site nos baseando nestes elementos.

Dentre os principais elementos da psicologia cognitiva perante os arquitetos de informação, podemos citar os seguintes:

  1. Carga cognitiva: é a quantidade de informação que uma pessoa pode processar a qualquer momento;
  2. Modelos mentais: são as suposições que as pessoas consideram antes de interagir com um site ou aplicativo;
  3. Tomada de decisão: é o processo cognitivo que nos permite fazer uma escolha ou selecionar uma opção.

Arquitetura

O fundador dos modelos modernos de Arquitetura da Informação foi Richard Saul Wurman. Ele nasceu em 1935 nos Estados Unidos e é designer gráfico e arquiteto.

Segundo Wurman, a informação deve ser estruturada da mesma forma que um edifício: assentando em uma fundação sólida. Assim como em arquitetura, a arquitetura da informação deve se basear em uma estrutura precisa, intencional e com um fundamento sólido.

Segundo Wurman, a informação pode ser organizada de 5 maneiras (LATCH):

  • Localização: Quando a informação vem de diferentes fontes ou locais (ex: vinho francês, carne argentina, etc.);
  • Alfabética: Quando a informação existe em um grande volume de dados (ex: lista telefónica, lista de websites, etc.);
  • Tempo: Quando existe informação onde uma duração fixa é prevalente (ex: reunião de 2h, estadias de 2 dias, etc.);
  • Categoria: Quando a informação pode ser agrupada de forma óbvia (ex: formato, tópicos, etc.);
  • Hierarquia (ou magnitude): Quando podemos agrupar informação de forma ilustrativa (ex: preço, tamanho, etc.).

Porque a IA é tão importante para um site?

Arquitetura da informação para a criação de sitesSão os princípios de Arquitetura da Informação que facilitam o sucesso da complicada tarefa de entendermos, enquanto usuários do site, onde estamos e onde a informação que queremos está em relação à nossa posição atual.

A arquitetura da informação auxilia na criação de hierarquias, categorias, taxonomias, navegação e outras formas de disposição dos elementos de um site.

Na prática, a organização de um menu no seu site é a prática da arquitetura da informação.

Nesse momento, é sempre importante pensar:

Como será o fluxo de usuários no site?

Como as informações serão apresentadas para o usuário?

Essas informações ajudam o usuário a tomar decisões relevantes?

Para responder a todas essas questões, é importante levar em conta o público alvo da sua empresa, as tecnologias usadas na criação do site e, claro, os dados que serão exibidos no site.

É nítido que a arquitetura da informação é um dos itens mais importantes que precisam ser observados na hora de desenvolver um site.

Negligenciar a arquitetura da informação é construir uma casa sem alicerce: ela pode até ficar de pé mas ninguém, proprietários, vizinhos e visitantes não se sentirão à vontade para aproveitar o que quer que esteja ali.

Em uma próxima publicação falaremos mais sobre a arquitetura da informação e como ela se relaciona com a otimização de sites.

Qualquer dúvida que tenha ficado, deixa pra gente no campo de comentários que respondemos sempre com o maior prazer!

E lembre-se: estamos sempre disponíveis pelo telefone ou pelo email, ok? Então, se precisar, fale conosco!

Grande abraço e até a próxima! 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.